segunda-feira, 8 de junho de 2009

Criados pra o mundo

Quando nossos pais decidem em que escolinha vamos estudar, em que bairro vamos morar, os amigos que devemos ter (aí a coisa complica pq geralmente é na adolecencia), até a namorada (ou vc acha que o lance de sogra chata é só um esporte? Na verdade a sogra está tentando fazer com que o filho mude de namorada) eles estao nos preparando para o mundo. Estao sacrificando coisas para que o filhinho consiga viver nesse mundo opressor. Aprendemos as regras basicas de convivencia com outras pessoas, apredemos a ter cuidado (quem nunca ouviu um: "Cuidado na vida." na vida?), aprendemos a nos virar sozinhos. Nao sei se os pais fazem isso conscientemente, mas fazem. Fazem isso pq um dia a gente vai estar só. De vez enquando (geralmente na adolecencia) a gente se sente pronto e nao aguenta mais viver sob as "regras da casa", quer sair e chegar tarde, beber, fumar, colocar piercing, tatuagem e todas as coisas que causam brigas entre pais e filhos que geralmente os filhos perdem. Quando a gente passa da adolecencia e está preparado pra sair de casa (rsrs) a gente nao sai. O mundo é foda! É melhor ficar cum mae. Mas é uma coisa inevitável. Uma hora ou outra, algo mais importante que um piercing aparece e nos empurra (ou nos puxa) pra fora de casa. Um trabalho, uma viagem, uma namorada, um filho nao programado. Mas parece que se uma dessas coisas nao acontece a gente nao sai de casa nunca. O problema é que a vida nao muda e sentimos uma necessidade gigantesca de mudar de vida mesmo estando boa (nao me perguntem porque, nunca entendi e sempre segurei essa vontade). Alguns pais também esquecem que criam os filhos pro mundo. Alguns filhos (mesmo estando preparados) nao querem tocar a vida sozinhos, é MUITO comodo continuar e é MUITO dificil mudar. Reclama-se da vida, quer mudar, sabe como e nao tem coragem. Conheço varias pessoas nessa situaçao. Esse texto vai pra elas. Seria bom que uma pessoa extendesse a mao e a outra puxasse a primeira pra fora de casa. Um incentivando o outro a mudar de vida. Coragem gente, coragem!

6 comentários:

Junior Verme disse...

Pois é duente!!!
Coragem gente, coragem!
Me vi nesse texto.
Mesmo vc não gostando ta legal.

cosmelayne disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Joelma disse...

Muito bom esse texto cara..
Um dos melhores!
Bem de acordo com a realidade das pessoas que convivemos.
Muito bom!!!
Saudades sempre :)

Joao disse...

Me fez lembrar da nossa conversa da última vez q estive em MCZ na Ponta Verde. Espero ter ajudado a puxar tua mão. Sucesso

| Maria Albuquerque | disse...

é MUITO comodo continuar e é MUITO dificil mudar. Impossivel?! NUNCA!!
mudando a cada dia..

Coragem gente, coragem!

nanda suruagy disse...

continuo te acompanhando...
se cuida!!